Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Apresentados

A RE-DECORAR A PRIMEIRA SEMANA

A meio da semana passada a cabeça dava sinais de dor. Não que a dor estivesse mais intensa. Desde que estou em casa que a sinto. Eu sou daquelas que pensa muito. Enfim. Mas não era a dor que estava mais intensa. Eu estava mais sensível. Sentia-me dona do lar. A colher todas as migalhas do chão. A fazer sopa. A pensar no jantar. A ouvi-la chamar por mim. Sentia-me dela. Apenas dela. Porque nesta quarentena ela sente-se minha. Nunca estivemos assim. Não me quer largar. Tive alguns momentos menos bons. De cansaço por não ter tempo para mim. De irritação apenas porque sim. Porque estamos fechados. E porque fiz um calendário onde só constavam as atividades dela. Com ela. Mudei. Já me inclui nestes dias. Estou agora nesse meu momento. Segui o conselho da mãe do amigo Duarte. Criei um tempo no calendário onde ela está sozinha durante o tempo que eu estipular. Até a chamar. Pode ver televisão ou youtube. É o tempo dela e dentro dos limites pode escolher. Sem interferirmos. Estamos cada um no…

Mensagens mais recentes

DISCIPLINA, POR FAVOR.

Somos feitas de íman

uma homenagem e um desabafo

A alice está a crescer

Conversas supérfluas (com o espelho)

A (im)perfeição

o tempo do Natal

a caminho do natal

Tenho uma família especial.

Sevilha